A Arquidiocese de Maringá comunica o falecimento do padre Geraldo Shneider (81), ocorrido por volta das 6h desta segunda-feira (13). Ele estava na casa dos padres idosos, anexa à residência de dom Anuar Battisti. Padre Geraldo teve um infarto fulminante. 

O velório será realizado a partir da tarde desta segunda-feira, ainda sem horário definido, na Catedral de Maringá.

Nessa terça-feira (14), após o velório, o corpo do padre Geraldo será cremado, a pedido do próprio presbítero. As cinzas serão depositadas no ossário da Catedral de Maringá. 

Veja também:
Secretários paroquiais da região de Maringá-PR terão evento de formação e capacitação profissional
Dom Armando: “Orar pelos mortos expressa uma profunda comunhão e ajuda recíproca”

Biografia

Gerhard Schneider nasceu na cidade de Hünsborn-Alemanha, em seis de maio de 1936. Em 11 de fevereiro de 1956 Gerhard ingressou na Congregação dos Irmãos de Misericórdia Maria Auxiliadora e no final de 1961, a Congregação transferiu irmão Geraldo para Maringá, para trabalhar na Santa Casa.

Em Maringá, irmão Geraldo decide ser padre e é aceito pelo bispo dom Jaime Luiz Coelho. A ordenação presbiteral foi realizada em 1969.

Formado em enfermagem e Comunicação Social padre Geraldo foi o primeiro pároco da paróquia Cristo Ressuscitado, na Zona 5. Em 1972 deu início a um forte trabalho de assistência aos adolescentes em situação de vulnerabilidade.

Idealizador da TV 3º Milênio, hoje geradora TV Evangelizar para todo o Brasil, padre Geraldo foi destaque na revista Veja em 12 de fevereiro de 1986, em reportagem sobre o uso dos meios de comunicação para a evangelização.

Padre Geraldo também teve forte atuação na Pastoral Carcerária e Universitária. Sua grande marca foi o atendimento pastoral aos pobres.
Atualmente, padre Geraldo atendia confissão na capela construída por ele, ao lado da paróquia Cristo Ressuscitado.

Fonte: Anuar Battisti

Faça um comentário