Foto: Off Air FIlm
Foto: Off Air FIlm

Na véspera do dia de Nossa Senhora Aparecida, todos aqueles que estavam no Santuário Nacional de Aparecida nesta quarta-feira (11) viveram momentos marcantes e especiais. Depois de cinco anos em reforma, a grande cortina que escondia o resultado de um longo trabalho, foram retiradas durante a Coroação Solene da Padroeira do Brasil.

Coroação Solene

A festividade marcou mais um dos 12 dias de comemoração pelos 300 anos do encontro da imagem da santa, nas águas do Rio Paraíba do Sul. A celebração teve início às 19h e contou com a participação do cantor e devoto Daniel.

Nossa Senhora Aparecida foi coroada com sua Coroa Jubilar, preparada durante nove meses com porções de terra das capitais de todos os estados brasileiros.

Bailarinos contaram por meio de suas coreografias a história do encontro da imagem e também representaram a devoção por Nossa Senhora Aparecida.

Leia também:
Por que Nossa Senhora é Mãe da Igreja?
Romeira de 47 anos morre a caminho do Santuário Nacional de Aparecida

Cantor Daniel no Santuário Nacional de Aparecida

Posted by Cidade da Fé – Aparecida, SP on Wednesday, October 11, 2017

Inauguração da Cúpula

A obra de reforma da cúpula central, que fica acima do principal Altar da Basílica, teve início em 2012. A autoria da arte é do artista sacro Cláudio Pastro e retrata a chegada dos peregrinos à Aparecida.

O grande desafio da obra foi não atrapalhar as celebrações e a rotina do Santuário Nacional. Foram 2 mil metros quadrados de mosaico, produzidos em Veneza, na Itália, que somam mais de 5 milhões de pastilhas.

O centro da obra é a árvore da vida e ao seu redor estão representados os pássaros da fauna brasileira.

Toda a obra da cúpula e também do baldaquino foi custeado pelas doações da CAmpanha dos Devotos, somando um total de aproximadamente R$6 milhões.

Posted by Cidade da Fé – Aparecida, SP on Wednesday, October 11, 2017

Por Redação Catholicus

Faça um comentário