O longa-metragem “Maria Madalena”, onde a personagem principal é interpretada pela atriz Rooney Mara, quer apresentar a “história não contada” do relacionamento entre Jesus e Maria Madalena, sua discípula.

O ator Joaquim Phoenix viverá Jesus no filme dirigido por Garth Davis (“Lion – Uma Jornada Para Casa”). Entre as “inovações”, os apóstolos Pedro e André serão vividos por atores negros. Respectivamente, Chiwetel Ejiofor e Charles Babalola.

Veja também:
“Thor” lê a Bíblia em parque da Disney para milhares de pessoas
Novela da Record: Papa como anti-cristo e Igreja Católica como Babilônia

O primeiro trailer da produção, que só chega aos cinemas brasileiros em 30 de março de 2018, tem chamado atenção por sugerir que havia um romance entre Cristo e sua seguidora.

Em determinado momento, Maria, a mãe de Jesus, pergunta à Madalena. “Você ama meu filho, não é? Deve se preparar, como eu, para perdê-lo”.

Em produções como A Última Tentação de Cristo, de 1988, esse tipo de situação já havia sido proposta e na época recebeu muitas críticas e boicotes de grupos cristãos.

Apenas pelo trailer não é possível dizer se haverá mais que uma insinuação de um relacionamento amoroso. Porém, ele deverá criar divergências, pois mostra os apóstolos chamando Madalena de sua “líder”.

Assista ao trailer:

Fonte: Gospel Prime

Faça um comentário