Quinze membros do episcopado que atua no Brasil partiram para a eternidade desde o dia de Finados do ano passado. Recordamos o nome de cada um, a notícia dada por algum veículo de comunicação e a respectiva data do falecimento.

Você pode relembrar e fazer uma prece pelos pastores falecidos:

6 de novembro de 2016

Dom Redovino Rizzardo, bispo emérito de Dourados (MS) – Notícia do Dourados News: “Morreu na tarde deste domingo (6) em Dourados, o bispo emérito da Diocese local, Dom Redovino Rizzardo. Ele ocupou a função no município entre os anos de 2001 e 2015, quando passou o bastão para Dom Henrique. O comunicado da morte foi feito na página da diocese no Facebook: ‘É com pesar que comunicamos o falecimento de Dom Redovino Rizzardo, Bispo Emérito de nossa diocese. Dom Redovino foi bispo de nossa diocese no período de 2001 a 2015’. Ele estava em tratamento contra um câncer“.

20 de novembro de 2016

Dom Diógenes Silva Matthes, O bispo emérito da Diocese de Franca, (SP): Notícia do GCN.net: “Dom Diógenes Silva morreu na madrugada deste domingo, às 5h, aos

85 anos de idade. Segundo Maria Inês Volpe, da Diocese de Franca, ele teria sofrido um infarto.Dom Diógenes era mineiro, nascido em Serrania. Quando tomou posse da diocese tinha 39 anos e iria completar 14 anos como padre, tendo trabalhado em Ribeirão Preto e Santa Rita do Passa Quatro. Segundo o Anuário da Diocese de Franca, sua nomeação para bispo ocorreu em março de 1971. Como bispo diocesano, Dom Diógenes ficou por 35 anos, até pedir sua renúncia, que foi aceita no dia 29 de novembro de 2006, quando foi sucedido pelo então bispo coadjutor Dom frei Caetano Ferrari, atualmente na Diocese de Bauru“.

8 de dezembro de 2016

Dom Lélis Lara, bispo emérito de Itabira- Coronel Fabriciano (MG) – Notícia no portal da Rádio Vaticano: “Morreu aos 90 anos, nesta quinta-feira, Dom Lelis Lara. O prelado estava internado no hospital metropolitano da Unimed, em Coronel Fabriciano, desde o dia 29 de novembro, para tratar uma pneumonia. Dom Lara foi ordenado sacerdote, em 1951, e nomeado bispo auxiliar de Itabira-Coronel Fabriciano pelo Papa Paulo VI, em 1976. Em 2003, renunciou ao cargo, de acordo com as normas do Direito Canônico, por questão de idade”.

14 de dezembro de 2016

Cardeal Paulo Evaristo Arns, arcebispo emérito de São Paulo (SP) – Notícia no jornal El País: “Dom Paulo Evaristo Arns morreu nesta quarta-feira, vítima de uma broncopneumonia. O cardeal foi uma das pessoas mais influentes da Igreja Católica e da sociedade brasileiras, conhecido pela contenda de uma vida inteira em defesa dos direitos humanos no país. Dom Evaristo, aos 95 anos completados em setembro, estava internado no Hospital Santa Catarina, em São Paulo, desde 28 de novembro, e hoje foi declarado pelos médicos que sofreu uma falência múltipla de órgãos“.

1º de fevereiro de 2017

Dom Albano Bortolleto Cavallin, arcebispo emérito de Londrina (PR) – Notícia do G1: “O arcebispo emérito de Londrina, no norte do Paraná, Dom Albano Bortoletto Cavallin, morreu na tarde desta quarta-feira (1º), aos 86 anos, após passar por uma cirurgia. O falecimento foi confirmado por meio de nota pela arquidiocese da cidade. O velório será realizado a partir das 6h desta quinta-feira (2), na Catedral Metropolitana de Londrina. A cerimônia será aberta ao público e haverá missas a cada duas horas. O sepultamento está previsto para o fim da manhã de sexta-feira (3). Dom Albano esteve à frente da arquidiocese por 15 anos e há dez anos tornou-se arcebispo emérito“.

28 de fevereiro de 2017

Dom Antônio Ribeiro de Oliveira, arcebispo emérito de Goiânia (GO) – Notícia do G1: “O arcebispo emérito de Goiânia, Dom Antônio Ribeiro de Oliveira, de 90 anos, morreu às 15h50 desta terça-feira (28), na capital, segundo informou o padre Rodrigo de Castro Ferreira, reitor do Santuário da Sagrada Família. Segundo o clérigo, Dom Antônio faleceu enquanto estava na casa de parentes, no Setor Goiânia 2, na capital. Conforme o padre Rodrigo, o Corpo de Bombeiros foi chamado para socorrer Dom Antônio, mas ele não resistiu e um médico da corporação constatou o óbito. Conforme a Arquidiocese de Goiânia, ele sofreu um infarto e não resistiu. Também segundo o órgão, ele já havia sofrido um infarto há cerca de uma semana. Dom Antônio foi arcebispo de Goiânia durante 16 anos, renunciando em 2002, quando Dom Washington Cruz assumiu. Ele residia na comunidade da Catedral Metropolitana de Goiânia, onde o corpo dele deve ser velado e enterrado“.

26 de março de 2017

Dom Marcelo Pinto Carvalheira – arcebispo emérito da Paraíba (PB) – Notícia do G1: “Arcebispo emérito da Paraíba, Dom Marcelo Pinto Carvalheira morreu aos 88 anos, no sábado (25), no Recife. Pernambucano, o arcebispo foi um dos colaboradores de dom Helder Câmara durante o regime militar no Brasil. O corpo de dom Carvalheira foi velado na Igreja da Sé, em Olinda, neste domingo (26). De acordo com a Arquidiocese da Paraíba, Dom Marcelo estava com a saúde debilitada, tendo sido diagnosticado anteriormente com pneumonia e também por causa da idade, e morreu indo para um hospital, ainda no carro que o conduzia”.

4 de abril de 2017

Dom Clóvis Frainer – arcebispo emérito de Juiz de Fora (MG) – Notícia do a12.com: “O Arcebispo emérito de Juiz de Fora (MG) Dom Clóvis Frainer faleceu nesta terça-feira, às 14h45, no Hospital da Unimed, em Caxias do Sul, em consequência de complicações pulmonares e falência de vários outros órgãos. Dom Clóvis Frainer será velado na Capela da Casa São Frei Pio, junto ao Convento dos Capuchinhos, em Caxias do Sul (RS). A missa e orações de despedida acontecerão na matriz Imaculada Conceição (Capuchinhos de Caxias do Sul), às 16h desta quarta-feira, 5 de abril, no horário da tradicional Missa da Comunidade. Após, será sepultado no Memorial dos Capuchinhos de Caxias do Sul, junto ao Convento dos Capuchinhos“.

6 de abril de 2017

Dom Newton Holanda Gurgel, bispo emérito do Crato (CE) – Notícia do a12.com: “Faleceu na madrugada desta quinta-feira, 06 de abril, vítima de insuficiência respiratória e falência múltipla dos órgãos, o bispo emérito de Crato (CE), dom Newton Holanda Gurgel. Ele tinha 93 anos e estava internado em um hospital da cidade desde o dia 24/03. Dom Newton esteve à frente da diocese de Crato por oito anos e meio entre 1993 e 2001. O corpo está sendo velado na Catedral Nossa Senhora da Penha, no centro de Crato. O horário da celebração de exéquias e sepultamento ainda não foram divulgados“.

30 de maio de 2017

Dom José Carlos Melo, arcebispo emérito de Maceió (AL) – Notícia do G1: “Arquidiocese de Maceió informou que morreu, na noite desta terça-feira, o arcebispo emérito da capital alagoana Dom José Carlos Melo.Dom José, que estava com 86 anos, estava com o quadro de saúde debilitado por conta de uma insuficiência respiratória. Ele estava internado na UTI de um hospital particular desde a quinta-feira (25). Dom José Carlos foi arcebispo de Maceió durante quatro anos, de julho de 2002 a julho de 2006, quando renunciou. Ele residia no Seminário Arquidiocesano Nossa Senhora da Assunção, no bairro do Farol, onde o corpo é velado“.

27 de junho de 2017

Dom Oneres Marchiori, bispo emérito de Lages (SC) – Nota do Portal CNBB – “Faleceu na tarde desta terça-feira, 27 de junho, aos 84 anos. Segundo informações da Diocese de Caçador (SC), ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, em Lages, depois que sofreu uma parada cardiorrespiratória durante uma sessão de hemodiálise. O bispo sofria com problemas de saúde há algum tempo e já vinha sendo submetido a múltiplas sessões de hemodiálise“.

12 de agosto de 2017

Dom Luís Vincenzo Bernetti, bispo emérito de Apucarana (PR) – Nota do Portal CNBB: “A Diocese de Apucarana (PR) comunicou neste sábado, 12 de agosto, o falecimento do bispo emérito dom Luis Vincenzo Bernetti, aos 83 anos de idade, ocorrido nesta sexta-feira, (11), às 18h, na cidade do Rio de Janeiro. O corpo de dom Luis Vincenzo Bernetti chega neste domingo (13), por volta das 11h da manhã na Catedral Nossa Senhora de Lourdes, em Apucarana. Às 14h dom Celso Marchiori, bispo diocesano, preside a missa de corpo presente. O corpo segue para Ampere, e na segunda-feira, 14, às 15h, haverá celebração na Igreja Matriz e na sequência será sepultado no cemitério municipal”.

27 de agosto de 2017

Dom José Maria Pires, arcebispo emérito da Paraíba (PB) – Notícia do Jornal da Paraíba: “Morreu neste domingo (27), aos 98 anos, em Belo Horizonte, em Minas Gerais, o arcebispo emérito da Paraíba dom José Maria Pires. A informação foi confirmada pela Arquidiocese da Paraíba. Ele estava internado em um hospital para o tratamento de uma pneumonia. O religioso foi levado para a unidade de saúde após participar de uma celebração. Por conta disso, de acordo com a Arquidiocese, a Igreja considera que ele faleceu trabalhando”.

16 de setembro de 2017

Dom Izidoro Kosinski, bispo emérito de Três Lagoas (MS) – Notícia do Campo Grande News: “Bispo emérito de Três Lagoas, Dom Izidoro Kosinski morreu na noite de sexta-feira, aos 85 anos. Com a saúde debilitada pela idade, o quadro clínico dele se agravou devido a um acidente ocorrido há alguns anos. O falecimento foi confirmado por representantes da Casa da Congregação da Missão São Vicente de Paulo, de Araucária (PR), local onde ele residia desde 2009. O corpo será sepultado na mesma cidade. O paranaense Dom Izidoro Kosinski foi ordenado bispo em 24 de julho de 1981 e sua posse na diocese de Três Lagoas aconteceu no dia 9 de agosto do mesmo ano. Ele conduziu a diocese em Mato Grosso do Sul por 27 anos.

22 de outubro de 2017

Dom Geraldo Verdier, bispo emérito de Guajará Mirim (RO) – Notícia Rondonia Agora: “O bispo emérito de Guajará-Mirim, Dom Geraldo Verdier morreu na madrugada deste domingo na UTI do Hospital da Unimed, em Porto Velho. Ele tinha 80 anos e sofreu um AVC na última terça-feira e desde então estava hospitalizado. Geraldo João Paulo Roger Verdier nasceu em Alban, na França em 1937 e atuava em Guajará-Mirim desde 1963. No final de 2011 ele renunciou ao cargo por razões de saúde, sendo nomeado emérito. Às 15 horas deste domingo haverá missa de corpo presente na Catedral Metropolitana Sagrado Coração de Jesus. Na parte da noite o corpo será levado a Nova Mamoré e na noite de segunda para a Pérola da Mamoré, onde será enterrado“.

Fonte: CNBB

Faça um comentário