Qual a hora certa para apresentar os santos aos seus filhos?
Qual a hora certa para apresentar os santos aos seus filhos? (Foto:Divulgação)

Se cultivarmos devoção por um santo, transbordaremos na própria vida e procuraremos absorver seus valores e ideais de vida. Imagine transbordar esses valores aos filhos! Quando se tem um amigo verdadeiro, é justo desejarmos que ele esteja próximo de nós.

É natural revelar o que se é e dar o que se possui. Se possuirmos admiração por alguém, com frequência estaremos falando dessa pessoa.

A Palavra de Deus nos ajuda a refletir: “Qual dentre vós é o homem que, se porventura, o filho lhe pedir pão, lhe dará pedra? Ou, se lhe pedir um peixe, lhe dará uma cobra?

Veja também:
Maria sofreu ao dar à luz Jesus Cristo?
Sob ameaça de morte, podemos fingir que não somos cristãos?

Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará boas coisas aos que lhe pedirem?” (Mateus 7,9-11).

Os santos como amigos do céu

O bom pai e a boa mãe procuram sempre dar o melhor a seus filhos, e isso é nobre. A maior herança que podemos deixar aos nossos filhos é a fé . E essa fé é alimentada e testemunhada também pelos santos, os amigos do Céu.

Acredito que, desde a descoberta da gestação, já podemos apresentar os santos a nossos filhos, cultivar neles o amor e a admiração. Até mesmo inspirar o nome dos filhos nos santos.

É bom saberem que, além da mãe, do pai e da família, eles podem contar com muitos amigos que estão no céu, para cuidar e interceder por eles.

Só amamos o que conhecemos. Certamente, os filhos vão amar os santos, verdadeiras amizades, se cultivarmos a devoção. Quem sabe nossos filhos serão os novos santos do futuro.

Apresente aos seus filhos os santos de sua devoção

Desde que namorava com o meu esposo, já cultivávamos uma devoção aos santos. Recorríamos a eles como verdadeiros amigos em todas as situações de nossa vida. E já dizíamos que nossos filhos teriam os nomes em honra aos nossos santos de devoção.

Hoje, temos uma filha, e o nome dela é Chiara, em honra à beata Chiara Luce.

Vivemos uma linda experiência nesse sentido. Quando fomos escolher a decoração do quarto da nossa filha, pedimos para um irmão de comunidade pintar a parede com uma frase da beata Chiara Luce : “Lo vuoi Tu, lo voglio anche’io”, ou seja, “Se Tu queres, eu também quero!”.

Ao fim da obra de arte, o próprio irmão nos disse: “A filha de vocês tem um papel de parede exclusivo e belo. Vocês já estão fazendo a diferença na vida dela”.

Ouvir isso confirmou ainda mais, em meu coração, a certeza de que os santos são nossos amigos no céu, e devemos apresentar aos filhos, o quanto antes, essas verdadeiras amizades.

Reze com seus filhos

Façam diferença na vida de seus filhos. Alimente a fé, apresente e cultive a devoção aos santos, os verdadeiros amigos do céu.

Nossos santos de devoção, rogai por nós e nossos filhos. Amém.

Fonte: Canção Nova

Faça um comentário