O centro da mensagem do Papa Francisco em sua sétima viagem internacional: pobres, respeito, família e juventude

 

1. “O diálogo inter-religioso e a colaboração ecumênica demonstram que os homens e as mulheres não tem que desistir de sua identidade, seja étnica ou religiosa, de viver em harmonia com seus irmãos e irmãs.” ( encontro inter-religioso e ecumênico , Colombo, 13 de janeiro de 2015)

Leia também
É grande o número de empresas e entidades que reservam estandes para próxima ExpoCatólica

2. “A liberdade religiosa é um direito humano fundamental.” ( Missa e Canonização do Beato José Vaz, Colombo, 14 de janeiro de 2015).

3. “Jesus é o único com o poder de curar as feridas abertas e restaurar a paz”. ( oração mariana no Santuário de Nuestra Señora del Rosario , janeiro 14, 2015).

4. “Você pode relevar, você não pode insultar a fé dos outros, não poderia ridicularizar a fé.” ( Encontro do Santo Padre com os jornalistas durante o voo para Manila , 15 jan 2015)

5. “A reforma das estruturas sociais que perpetuam a pobreza e exclusão dos pobres primeiro requer a conversão da mente e do coração”. ( Encontro com as autoridades e com o Corpo Diplomático , Manila, 16 de janeiro de 2015).

6. “Os pobres são o coração do Evangelho”. ( Missa com os bispos, sacerdotes, religiosos , Manila, 16 de janeiro de 2015).

7. “Rejeitar a colonização ideológica que destrói famílias.” ( Encontro com as Famílias, Manila, 16 de janeiro de 2015).

8. “Nós temos um Deus que é capaz de chorar com a gente, que pode se juntar a nós nos momentos mais difíceis da vida. ( Homilia do Santo Padre, Tacloban, 17 de janeiro de 2015)

9. “O mundo de hoje carece de chorar” ( Encontro com os jovens, Manila, 18 de janeiro, 2015)

10. “Temos de ver cada criança como um presente de boas-vindas, valorizar e proteger.” ( Homilia do Santo Padre , Manila, 18 de janeiro de 2015)

Por Zenit

Compartilhe:

Faça um comentário