Muitos se questionam sobre como encontrar a felicidade no casamento, se você é um deles esse artigo vai inspirar as suas próprias conclusões.

Algumas questões estão sempre em pauta em relação à união amorosa: o que torna um casamento feliz? Por que uns são duradouros e outros não? Casamento é loteria? Para a última questão a resposta é não; casamentos não são aventuras relacionadas com a sorte.

Para as outras perguntas enumero algumas características dos casais felizes para inspirar as suas conclusões:

1. Amizade

Um dos pilares básicos de um relacionamento duradouro e próspero é a amizade que representa o conhecimento íntimo e proporciona segurança e confiança. Ser amigo é estar presente sempre, tanto na alegria como no sofrimento, prestando apoio incondicional e contínuo. Ter o cônjuge como amigo é saber que nunca se estará sozinho e que mesmo errando encontrará nele o alento necessário para escolhas melhores e edificantes.

Veja também: O que vocês precisam saber sobre fidelidade

2. Respeito

Outro pilar essencial no casamento é o respeito, afinal não há como viver de forma harmônica sem ele. A consideração um pelo outro, pautada no compromisso, na admiração tem por consequência o comprometimento com o casamento. Cônjuges comprometidos enaltecem a si mesmos zelando para que sua escolha dê certo e a união seja a cada dia mais satisfatória.

3. Prazer em estar junto

Casais felizes nunca perdem a vontade de estar juntos porque edificam momentos de grande prazer e cumplicidade. Sabem fazer com que o tempo compartilhado seja pleno de afeição e carinho, por isso manifestam amor mesmo nas pequenas situações do dia a dia e buscam oportunidade de se divertirem juntos. Isso provoca um bem-estar incrível que mantém o bom humor e une muito o casal.

4. Comunicação eficaz

Os casais não se dão bem porque pensam igual em tudo, mas porque buscam compreender as diferenças normais em todos os seres humanos, então o diálogo é uma constante para eles. Manter a comunicação aberta é estar disposto a ouvir o outro com atenção, buscando compreender as suas razões e, mesmo que não concorde com elas, saber que não se pode menosprezá-las. Uma comunicação eficaz acontece quando as pessoas se colocam como ouvintes gentis, que aceitam as opiniões contrárias e fazem o que for preciso para entrar em consenso.

5. Habilidade de resolver conflitos

Onde haja mais de um ser humano sempre haverá discordâncias e embate de ideias, conflitos são comuns em qualquer relacionamento, o que faz a diferença é a forma como os casais lidam com isso. O mais importante é não entrar em disputa e procurar analisar o próprio comportamento, a partir disso mudar o que lhe compete para solucionar e evitar novas contendas, afinal o conflito sempre é construído pelas duas partes.

6. Valores comuns

É importante que o casal desenvolva e dê relevância aos valores significativos na vida dos dois, buscando entrar em concordância em relação aos que não são afins. Nos casamentos felizes virtudes como a honestidade e a integridade são fundamentais. Também é importante que os valores espirituais se harmonizem, independente da religião de ambos.

7. Romance

Não há como manter um casamento satisfatório sem que o casal esteja envolvido emocionalmente e isso pede ao menos um pouco de romance. Os casais felizes sabem que a paixão precisa ser motivada de tempos em tempos e se dedicam a isso com grande prazer, demonstrando afeição e carinho. Num casamento sadio também é dada devida importância à vida sexual do casal e à fidelidade.

Depois de refletir sobre essas características fica mais fácil de responder os questionamentos citados acima, bem como qualquer outro que envolva os segredos para manter o seu casamento harmonioso e feliz.

Fonte: Familia.com.br

Faça um comentário