Alguns casamentos se assemelham a duas pessoas cegas aprendendo a dançar… Um sempre pisa no pé do outro.

Recentemente, estive com um casal enfrentando uma luta comum. Eles se amam e no geral seu casamento é forte, mas estão tendo problemas persistentes em sua comunicação. Eles se sentem como se falassem duas línguas diferentes. Não estão compreendendo um ao outro, o que está criando um ciclo frustrante e levando a sentimentos feridos, explosões de raiva, frustrações e arrependimentos.

Seu casamento se assemelhava a duas pessoas cegas aprendendo a dançar… Um sempre pisando no pé do outro.

Sua batalha é comum. Todos os casais enfrentam algum nível de problema de comunicação, e todos os casais saudáveis devem se esforçar em melhorá-la. Estou convencido de que a comunicação eficaz pode ser o fator mais importante em um casamento saudável.

Veja também: 7 características comuns nos casamentos felizes

É preciso trabalho, mas se você se comprometer a tornar isso uma prioridade, seu casamento pode chegar a novas alturas. Não se culpe se não é assim naturalmente. Minha esposa, Ashley, e eu temos pós-graduação e doutorado em comunicação e nos comunicarmos de maneira saudável ainda requer um grande esforço todos os dias.

Aqui estão as ferramentas básicas para ajudar você a se comunicar mais eficazmente com o seu cônjuge (em nenhuma ordem particular):

1. Concentre-se mais em compreender do que ser compreendido

Quando um marido e uma esposa ficam presos em um ciclo onde apenas querem mostrar seu ponto de vista, ambos perdem. Em vez disso, concentre-se em tentar ouvir o que seu parceiro está dizendo. Quando o outro está falando, ouça com foco em vez de deixar a mente vagar e perseguir uma resposta.

2. Esclareçam as dúvidas

Quando Ashley e eu estávamos fazendo um curso pré-matrimonial, tivemos um exercício de comunicação que eu achei brega e sem sentido no momento, mas que acabou por ser extremamente útil. Tivemos que ouvir um ao outro e responder com perguntas e em seguida repetir o que o outro disse com nossas próprias palavras, dizendo: “O que você quis dizer é…”

Essas perguntas esclarecedoras nos ajudaram a desenvolver uma disciplina de ouvir mais atentamente o outro. E vai funcionar para você também.

3. Não tente “vencer”

Em vez de olhar um desacordo no casamento como uma batalha a ser vencida, encare como um desafio a ser resolvido em parceria com o seu cônjuge. Vocês compartilham o mesmo resultado. Essa atitude de parceria irá revolucionar a sua abordagem dos desentendimentos.

4. Afaste as distrações

Você até pode se achar um grande multitarefa, mas você não é! Ninguém é. Você não pode ter uma conversa significativa enquanto mexe no celular, ou assiste à TV.

5. Diga sempre toda a verdade

Não há lugar para o sigilo ou dolo de qualquer tipo em uma união. Digam tudo um ao outro. Sempre.

6. Deem-se não apenas conselhos, mas apoio também

Quando o seu cônjuge está passando por um problema de qualquer tipo, você pode querer “consertar” oferecendo soluções, mas o seu cônjuge precisa mais do seu encorajamento e apoio que seu conselho. Sejam o melhor amigo um para o outro.

7. Sejam um para o outro os maiores incentivadores; não os maiores críticos

Elevem um ao outro. Tenham palavras de vida um para o outro. Olhem e busquem sempre o positivo ao invés de ficarem presos em um ciclo de negatividade ou crítica. Comuniquem o seu amor de forma clara e muitas vezes.

Fonte: Familia.com.br

Compartilhe:

Faça um comentário