Anunciam reabertura de escada que Jesus teria usado antes do julgamento com Pilatos
Foto: Daniel Ibáñez | ACI Prensa

Depois de ficar fechada para restauração, a Scala ou Escada Santa, que se acredita ter sido a escada por onde Jesus subiu para ser julgado e condenado por Pôncio Pilatos, será reaberta ao público no próximo dia 11 de abril.

Esta reabertura, informa o jornal do Vaticano, L’Osservatore Romano, será temporária e durará 60 dias, até domingo, 9 de junho, quando será fechada novamente para continuar com a restauração.

A mudança mais visível que pode ser observada durante estes 60 dias será a escada em seu material original, mármore branco; já que geralmente estava coberta por madeira, algo que o Papa Inocêncio XIII estabeleceu em 1723.

A abertura da Escada Santa terá a presença do Vigário do Papa para a Diocese de Roma, Cardeal Angelo de Donatis. Nesse dia, haverá uma conferência sobre restaurações, a bênção e uma Missa.

Veja também:
Papa Francisco explica o que fazer diante das dúvidas de fé
Separados ainda bebês, gêmeos se reencontram 24 anos depois graças ao YouTube

Segundo a tradição, a Escada Santa foi levada a Roma no século IV por Santa Helena, mãe do imperador Constantino, o Grande. Acredita-se que ela restaurou muitos locais sagrados na Terra Santa e descobriu a Vera Cruz, além de outras relíquias.

Atualmente, a Escada Santa está localizada perto da Basílica de São João de Latrão.

O trabalho de restauração foi feito nos degraus e nos afrescos de ambos os lados da escada que conduz a uma capela papal privada: a Igreja de São Lourenço.

O material dos degraus é de mármore branco, mas são cobertos com madeira para protegê-los. Em alguns lugares, há quadrados de madeira cortados através dos quais os peregrinos podem tocar o mármore.

Há também caixas de vidro que protegem alguns pontos nos quais se acredita que estão as marcas de sangue de Cristo.

Os peregrinos que visitam as escadas devem subir de joelhos como sinal de piedade e reverência, embora possam escolher como rezar, pode ser com uma breve oração em cada degrau ou meditando a Paixão de Cristo.

Aqueles que não podem subir de joelhos podem ajoelhar-se no primeiro degrau e depois subir os outros degraus até chegarem ao topo.

Em 1908, São Pio X concedeu indulgência plenária aos fiéis que subam a escada inteira. Caso contrário, pode ser obtida uma indulgência parcial por cada degrau que se suba de joelhos enquanto se medita a Paixão de Cristo.

As condições que devem ser cumpridas para obter uma indulgência são: fazer uma confissão sacramental, receber a Eucaristia, rezar pelas intenções do Papa e estar livre de todo apego ao pecado.

Fonte: ACI Digital

Faça um comentário