As últimas palavras que brotaram do amoroso Coração de Maria

“As últimas palavras que brotaram do amoroso Coração de Maria foram ditas nas bodas de Caná. “Como viesse a faltar vinho, a mãe de Jesus disse-lhe: Eles já não têm vinho. Respondeu-lhe Jesus: “Mulher, isso compete a nós? Minha hora ainda não chegou”. Disse, então, sua mãe aos serventes: Fazei o que ele vos disser.”

A solicitude amorosa do materno Coração de Maria ressoa e brilha novamente. Naquele momento, em Caná, ela estava intercedendo por um vinho terreno, que iria alegrar e satisfazer os convidados e livrar os cônjuges do problema. Ainda hoje, a Virgem Maria intercede junto a seu Filho e lhe pede o vinho espiritual do Evangelho.

Leia também:
Saiba a incrível origem da oração ‘Salve Rainha’
Linda e doce Maria, texto de Michael Lonsdale

Se as talhas cheias de água representam a Antiga Aliança, o vinho das bodas representam a Nova Aliança, o novo vinho do Evangelho, a ser derramado em talhas novas. Maria, como boa mãe, pede a seus filhos que recebam o Evangelho, que abram seus corações no sentido da Escritura, para que lhes seja concedida “a inteligência do mistério de Cristo”.

Parece que Deus está ausente do nosso mundo, parece que o nosso tempo não tem o vinho do Evangelho, e persegue a Igreja, parece que a Igreja carece de santos, porém, a Virgem Maria intercede por nós, junto a Jesus e, embora seu momento não tenha chegado, Ele fará milagres para acolher e atender a oração de sua Mãe. Os desejos dela são os seus desejos, como seus corações estão sintonizados, sendo um só Coração.

Fonte: Um minuto com Maria

Compartilhe:

Faça um comentário