Campeão do mundo, Mbappé doa prêmio da Copa à caridade
Foto: Wikipedia.pt

Além da vitória na Copa do Mundo Rússia 2018 e de ser eleito jogador revelação do campeonato, o francês Kylian Mbappé também marcou um gol no quesito caridade, com a doação de seu prêmio no Mundial a uma instituição que ajuda crianças.

Segundo a imprensa francesa, Mbappé vai doar seus prêmios para Premiers de Cordée, que oferece oportunidades esportivas para crianças que foram hospitalizadas ou têm deficiências e conta com alguns “embaixadores” esportistas, entre os quais o atacante da seleção francesa.

A imprensa europeia informa que o craque recebeu cerca de 19 mil dólares por partida, mais um bônus de 310 mil dólares pelo título da França. Assim, a quantia da doação somaria aproximadamente R$1,7 milhões.

A porta-voz de Premiers de Cordée, Ninon Bardel, disse ao site ‘UOL Esporte’ que recebeu a notícia de que Mbappé tinha a intenção de realizar a doação através da família do jogador. Para ela, “este é um ato maravilhoso”.

Veja também:
Hoje a Igreja celebra São Zacarias e Santa Isabel, pais de João Batista
Pe. Reginaldo Manzotti tira suas dúvidas sobre morte, purgatório, céu, inferno

“Estamos extremamente honrados. As crianças nos hospitais em que estamos não se importam muito com isso. O que importa para elas é a oportunidade de praticar esportes, o que nem sempre elas têm a chance de fazer”, disse ao site.

Bardel ressaltou que “as crianças têm estrelas em seus olhos quando veem Kylian” e, “às vezes têm dificuldade de entender que ele é real”. “Mas Kylian tem tanta desenvoltura no meio delas que tudo se torna normal e simples. Ele mesmo diz que as estrelas são elas, as crianças”.

Por sua fez, o diretor geral da Premiers de Cordée, Sebastien Ruffin, contou a ‘Le Parisien’ que Mbappé, que apoia a instituição desde junho de 2017, sempre os visita quando sua agenda permite. “Ele tem um ótimo relacionamento com as crianças, sempre encontra as palavras certas para encorajá-los. Por vezes, eu sinto que ele se diverte mais brincando do que as próprias crianças”, acrescentou.

Segundo o site ‘L’Equipe’, Kylian Mbappé considera que não é necessário ser pago para atuar pela seleção e que este dinheiro deve ser empregado a causas humanitárias.

Fonte: ACI Digital
Compartilhe:

Faça um comentário