Foi inaugurada ontem (15), a Exposição de Fotografia Memória e Missão da JMJ Rio2013, na no Largo da Carioca – Rio de Janeiro. Ela faz parte das comemorações de um ano da Jornada no Brasil.

Dom Orani, cardeal e arcebispo do Rio disse que “O objetivo é despertar a beleza daquilo que foi a Jornada Mundial da Juventude. Tenho certeza que muitos que passaram por aqui de um jeito ou de outro viveram a JMJ; seja acolhendo em casa, nas paróquias ou ainda participando em Copacabana”.

Leia também:

Rio promove em Julho atividades em memória a JMJ Rio 2013

A exposição é itinerante, e composta por 40 totens. Cada toten possui duas fotos totalizando 80 fotos feitas pelos voluntários que trabalharam como fotógrafos durante toda a JMJ.

Milhares de pessoas poderão relembrar a experiência da Jornada em um dos espaços mais conhecidos e transitados da capital. As fotos destacam as principais atividades do Papa que se reuniu com cerca de 3 milhões de jovens do mundo inteiro para partilhar a fé e a alegria do Evangelho.

O arcebispo do Rio também falou sobre as comemorações: “O que foi visto na Jornada permanece em nós e temos certeza que iremos levar no coração, como prática de cada dia. O mundo pode ser melhor quando os jovens se dispõem a viver aquilo que prega o Evangelho”.

Comemorações

O Projeto Memória e Missão da Arquidiocese do Rio de Janeiro visa celebrar o primeiro aniversário da JMJ Rio2013, recordando o encontro do Papa Francisco com os jovens do mundo inteiro no Brasil

As atividades serão realizadas de 15 a 27 de julho com uma programação que acontece dentro do projeto Memória e Missão da Arquidiocese do Rio de Janeiro, que visa celebrar o primeiro aniversário da JMJ Rio2013, recordando o encontro do Papa Francisco com os jovens do mundo inteiro e as ações necessárias diante dos desafios apresentados atualmente.

A programação conta com catequeses, missões, exposição cultural, peregrinação das réplicas dos símbolos da JMJ (a cruz e o ícone de Nossa Senhora). No dia 26, sábado, será realizado na Quinta da Boa Vista, uma grande celebração a partir das 13h e uma missa presidida por Dom Orani às 18h. No dia 27 domingo, às 17h30 será lançado o livro de fotos da JMJ no auditório do Ed. João Paulo II, 2º andar.

Fonte: ACI

Faça um comentário