A edição comemorativa de 15 anos do CONAGE – Congresso Nacional de Gestão Eclesial encerrou suas atividades na manhã desta sexta-feira, 29. Ao longo de quatro dias, o CONAGE proporcionou aos congressistas motivação para que eles possam investir em sua formação e apresentou fundamentos que repercutam na trajetória para uma melhor gestão, dentro das instituições religiosas.

O CONAGE nasceu em 2004, com o objetivo de capacitar os envolvidos na Administração Eclesial, focando em aspectos relacionados ao gerenciamento das paróquias, congregações e demais casas religiosas, bem como orientar as dioceses nessa desafiadora temática. A partir do ano de 2006, para ampliar as demandas e conferir uma formação mais concentrada, optou-se pelo Congresso Nacional de Gestão Eclesial, formato que se consagrou com muito sucesso, treinando e capacitando mais de três mil pessoas entre leigos (as) e religiosos (as).

Nesta edição, a programação do CONAGE contou com diversas palestras dividas em 4 temas: Administração e Gestão de Pessoas, Gestão e Direito, Gestão e Captação de Recursos e Marketing e Comunicação. Tais temas foram essenciais para que o participante leve para sua paróquia ou comunidade o conhecimento e a prática para uma gestão eficaz, visando as melhorias necessárias para os processos administrativos e pastorais.

Veja também:
Confira as atividades do terceiro dia do Congresso Nacional de Gestão Eclesial – CONAGE

O último dia do congresso teve início às 9h00 com um momento de oração. Logo após, o palestrante Wellington Moreira, consultor e facilitador de desenvolvimento de líderes e coautor do livro “A arte de liderar na Igreja”, pela Editora Santuário ministrou uma palestra com o mesmo tema de seu livro. Os congressistas estudaram os diversos métodos para obter uma boa liderança em sua comunidade.

Padre Joãozinho, SCJ foi o responsável por encerrar as atividades do 15º CONAGE. Em sua palestra, o sacerdote praticou a “Re-visão: como implantar a cultura da avaliação sistêmica na gestão eclesial”, é preciso aprofundar o conceito e as práticas da avaliação institucional para não cair no formalismo que acaba não sendo útil para melhorar a qualidade do serviço.

Ao todo, os congressistas do CONAGE puderam participar de cerca de 10 palestras e 5 momentos de plenária, fortalecendo as experiências e criando debates e questionamentos para o melhor entendimento dos temas propostos para cada dia.

Esperamos você em 2020! Participe da 16ª edição do Congresso Nacional de Gestão Eclesial.

Confira mais informações pelo site: www.conage.catholicus.org.br

Por Redação Catholicus
Compartilhe:

Faça um comentário