Madre Francisca Rubatto | Imagem: Vatican News

Madre Francisca Rubatto foi fundadora da Congregação das Irmãs Capuchinhas do Uruguai

No fim da semana passada, dia 28, o Papa Francisco autorizou o decreto que reconhece um milagre atribuído pela intercessão da Beata Maria Francisca de Jesus.

O milagre salvou uma jovem nos anos 2000, que teria sofrido um acidente de moto que a levou a um traumatismo craniano com hemorragia. Através das orações atribuídas à Madre, a mulher foi curada e ficou sem sequelas.

Leia mais:
Em Santuário de Santa Dulce dos Pobres, católicos celebram a Campanha da Fraternidade

A Vida de Francisca Rubatto

Francisca nasceu na Itália em 14 de fevereiro de 1844. Consagrada à Deus, dedicou sua vida pela caridade e os mais necessitados.

Em 25 de Janeiro de 1885, sentindo o chamado de Deus, fundou a Congregação das Irmãs Capuchinhas para total dedicação aos jovens, crianças e doentes.

Leia mais:
Amor de Mãe – a maternidade como Dom de Deus

Em 1892, ela com mais quatro irmãs da congregação, partiu em Missão para o Uruguai, Argentina e Brasil.

Foi beatificada em 1993 pelo Papa São João Paulo II e hoje a congregação por ela fundada está presente em mais de oito países dando continuidade à sua obra caridosa.

Fonte: ACI Digital

Compartilhe:

Faça um comentário