Todos os dias os profissionais do secretariado paroquial absorvem uma série enorme de atividades exigindo deles novas habilidades e conhecimentos. O ambiente do secretariado transformou-se em uma ilha cercada de informações. Por isso, pensar na capacitação técnica das secretárias e dos secretários das paróquias, cúrias e casas religiosas do Brasil é extremamente importante, uma vez que esses profissionais são a “porta de entrada” das paróquias.

Com isso em pauta, a agência Promocat Marketing Integrado, responsável também pela ExpoCatólica, maior feira de artigos e serviços religiosos da América Latina, CONAGE, Congresso de Gestão Eclesial, e o CONADIZ, Congresso Nacional da Pastoral do Dízimo, do Portal Catholicus e do Partilhe, rede de financiamento coletivo voltado a projetos católicos, promoverá nos dias 01 a 04 de março, o 1º Congresso Nacional de Secretariado Paroquial, o CONASPAR, em Aparecida/SP.

A proposta do congresso vai além da troca de experiências entre as pessoas envolvidas com os serviços de secretariado, mas também capacita-los nas questões práticas ligadas a toda a administração eclesial.

O Portal Catholicus, a fim de entender mais sobre o assunto, conversou com André Luiz Moreira, bacharel em Administração de Empresas com Habilitação em Marketing e Pós- Graduado em Gestão de Pessoas, administrador na Mitra Diocesana de Camaçari/BA e membro da Pastoral do Dízimo do Regional Nordeste 3 na Bahia e Sergipe, para entender mais sobre secretariado pastoral e quais as funções desempenhadas por eles.

A seguir, confira a entrevista:

Por que é importante participar do Congresso Nacional de Secretários Paroquiais?
Diante dos desafios que encontramos nos dias atuais para responder as necessidades presentes, o CONASPAR é uma oportunidades para que padres, secretários e outros ligados à Gestão Eclesial possa esclarecer dúvidas e ao mesmo tempo adquirir novos conceitos.

Por que os párocos devem incentivar os secretários a estudarem mais e adquirirem maior conhecimento sobre a administração e gestão paroquial?
O RESULTADO. É importante que os secretários tenham uma visão holística sobre a Gestão Eclesial, já que eles são os principais colaboradores do processo e, infelizmente, não há uma formação especifica na qual todos possam ter acesso.

Na sua opinião, quem deveria participar do Congresso?
Sem dúvidas, em primeiro lugar os Secretários paroquiais, depois os seu gestores, como padres e religiosos ou futuros gestores, como os seminaristas. O congresso é uma oportunidade para maior conhecimento técnico.

Para você, qual o futuro da administração paroquial?
Temos ainda uma grande fragilidade neste assunto. Porém, é evidente que temos que acelerar a busca pelos princípios da gestão, porque esse é o Futuro. Nenhuma paróquia poderá realizar bem suas atividades pastorais e missionarias se não tiver uma gestão totalmente organizada e estruturada.

Quais são os incentivos necessários para uma boa gestão das paróquias?
Toda paróquia deve investir na capacitação dos seu funcionários, ter uma equipe organizada, contar com a colaboração de outros profissionais das áreas ligadas a administração como: Direito, Contabilidade, RH, Arquitetura, Engenharia. É importante ter um CAEP, Conselho para Assuntos Econômicos da Paróquia, com consciência religiosa e comunitária, porem com visão técnica. Deve-se entender a gestão paroquial como organização religiosa, com transparência e responsabilidade fiscal.

André Luiz ministrará a oficina “Os processos de gerenciamento em contabilidade e financeira” no 1º CONASPAR.

O congresso conta com algumas inscrições restantes, que podem ser feitas pelo site do CONASPAR. Os inscritos receberão diversos benefícios, como cupons de desconto para compras na ExpoCatólica, kit de apoio, e brindes.

CONASPAR
Data: 1 a 4 de março de 2016
Local: Hotel Rainha do Brasil, Aparecida (SP)
Realização: Promocat Marketing Integrado
Apoio: Editora A Partilha
Patrocínio: Partilhe e Portal Catholicus
Mais informações: http://conaspar.com.br

Compartilhe:

Faça um comentário