Fundadora da comunidade católica

Edvânia Marinho tinha 18 filhos adotivos e 2 biológicos e estava internada desde o dia 20 de junho, no Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires

A fundadora da comunidade católica “Casa da Paz de Nazaré” morreu aos 50 anos por Covid-19, na quinta-feira (2), em João Pessoa. Edvânia Marinho estava internada desde o dia 20 de junho, no Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires. De acordo com a Arquidiocese da Paraíba, a comunidade católica fundada por Edvânia atuava há pelo menos 21 anos.

 

 

Edvânia fundou a comunidade em 1992 junto com quatro outras mulheres. A comunidade deu origem a um abrigo para as crianças, muitas delas foram adotadas por famílias e as que não saíram do abrigo até o fechamento foram todas adotadas por Edvânia. A fundadora da comunidade deixou 18 filhos adotivos e dois biológicos.

Leia mais:
Sacerdote mexicano celebra Primeira Eucaristia de paciente com covid-19 dentro do hospital

Após cerca de três dias com os sintomas da doença, a vítima procurou a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Valentina. Lá fez os exames e ficou internada até ser transferida para uma unidade hospitalar para realizar uma tomografia. Já no hospital Metropolitano, no dia 20 de junho, recebeu a confirmação do coronavírus. Ela era hipertensa e diabética.

 

 

Com informações de G1
Compartilhe:

Faça um comentário