padre de aquidauana
Sacerdote do Missionário Redentorista Cássio Santos da Silva Oliveira, de 26 anos Foto: Luiz Guido Júnior

A comunidade católica de Aquidauana irá vivenciar nos próximos dias um dos momentos mais importantes de sua história. Está programado para o dia 03 de fevereiro, o sacramento da Ordem no grau de Sacerdote do Missionário Redentorista Cássio Santos da Silva Oliveira, de 26 anos. Ele será o primeiro padre de Aquidauana.

A Celebração Eucarística será às 18h, na Igreja Matriz de Aquidauana (MS) e será presidida pelo Bispo Dom Henrique, também Redentorista e que atuou por muitos anos na Princesa do Sul.

Leia também:
Igreja no Brasil anuncia solenidades móveis do ano
Dom Francisco Canindé Palhano é nomeado pelo papa Francisco como novo bispo da diocese de Petrolina (PE)

Os preparativos

Em entrevista ao Site O Pantaneiro, o pároco de Aquidauana, Pe. Thiago Palmeira Machado, apresentou alguns dos detalhes que estão sendo planejados para a cerimônia que deverá reunir cerca de 35 padres e centenas de fieis de outros municípios, inclusive das regiões onde Cássio passou nos últimos tempos. “Toda a Paróquia está envolvida nos preparativos. Além do evento principal, temos que nos preocupar em acolher os visitantes que estarão aqui especialmente para este momento. Estamos cuidando da hospedagem, alimentação, tudo para que se sejam bem recebidos”, afirmou.

O momento sublime

A primeira Missa que será celebrada pelo futuro Padre será no dia seguinte à sua ordenação em sua comunidade de origem – Santo Antonio de Pádua, às 7 horas da manhã, na Vila Pinheiro, em Aquidauana. Também no dia 4 de fevereiro, às 9 horas da manhã, ele também irá celebrar a Missa solene na Igreja Matriz.

Já no dia 06 de fevereiro, irá acontecer a transferência do novo padre. Cássio passará a atuar na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no município de Maringá, no estado do Paraná.

O futuro padre

Nascido em Aquidauana, o missionário participou durante a adolescência das atividades na paróquia Santo Antônio de Pádua, situada na Vila Pinheiro.

Entrou para a formação Redentorista por causa do desejo suscitado pela pregação das Santas Missões Redentoristas.

“Fiquei encantado com a forma pela qual os Redentoristas da minha cidade pregavam o Evangelho: com clareza e simplicidade. As Missões Redentoristas aconteceram pela última vez em 2007 em Aquidauana. Desde então, senti-me convocado para participar desta família religiosa consagrada”, lembra.

Então, entrou para a formação redentorista em Ponta Grossa, PR. Cursou licenciatura em Filosofia pela PUCPR de Curitiba, entre os anos 2010 a 2012. Em 2013, entrou para o noviciado, na cidade de Tietê, SP. Em 2014, professou os votos de pobreza, obediência e castidade na Congregação Missionária Redentorista. Isto aconteceu na cidade de Guaratuba, PR, no dia 1 de fevereiro de 2014, na Paróquia Nossa Senhora do Bonsucesso.

A partir daí começou o curso de bacharelado em Teologia pela PUCPR de Londrina, de 2014 a 2017. Em Londrina passou pelas Paróquias Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Santo Antônio de Pádua, São Luís Gonzaga e Nossa Senhora da Piedade.

“Sou muito grato pelo apoio e oração que recebi de muitas pessoas. Sou devoto de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e a minha alegria é poder rezar a Novena Perpétua com os demais devotos”, declara.

Ao O Pantaneiro, Cássio aproveitou para agradecer a todas as pessoas que o ajudaram nestes 10 anos de formação e diz que não está ansioso e sim, calmo e tranquilo ao aguardar este dia tão esperado. “É a ação do Espírito Santo. Ele está comigo”. Cássio finaliza a nossa entrevista definindo o momento especial: “Será um dia sagrado para mim, para minha família e para toda a comunidade. Inesquecível”.

Fonte: O Pantaneiro

Faça um comentário