A Arquidiocese do Panamá se pronunciou acerca dos rumores difundidos na imprensa, os quais anunciavam a eleição desta cidade como sede da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) em 2019.

Os rumores começaram com uma notícia publicada no dia 31 de maio pela agência italiana ANSA, segundo a qual fontes do Vaticano teriam informado extraoficialmente que o Panamá seria a sede da JMJ 2019.

A Arquidiocese indicou que não recebeu nenhum comunicado do Vaticano e que a sede da próxima Jornada será anunciada pelo Papa Francisco no final da JMJ 2016, a qual acontecerá na Polônia entre os dias 26 e 31 de julho.

O Escritório de Comunicação da Arquidiocese do Panamá indicou que foi apresentara a candidatura desta cidade como fizeram outros países e esperam que este rumor não prejudique sua possibilidade de ser escolhidos.

O Presidente do Panamá, Juan Carlos Varela, publicou um comunicado onde manifestou que o governo também não recebeu uma confirmação da Santa Sé.

Fonte: ACI

Compartilhe:

Faça um comentário