BANNER CRUZA primeira-dama dos Estados Unidos acompanhou o marido, o presidente Barack Obama, em uma visita oficial. Caso ganhou repercussão na internet

Michelle Obama causou polêmica e foi duramente criticada nas redes sociais por não usar um véu para cobrir a cabeça ao acompanhar o marido, o presidente Barack Obama, em uma visita à Arábia Saudita após a morte do rei Abdullah.

A decisão da primeira-dama dos Estados Unidos de dispensar o véu quando ela e o marido cumprimentaram o sucessor de Abdullah, o rei Salman bin Abdulaziz Al Saud, nesta terça-feira (27), logo gerou repercussão na internet, de acordo com o The Guardian. O caso ganhou, inclusive, uma hashtag em árabe que, traduzida, significa: #Michelle_Obama_semvéu.

De acordo com os padrões de conduta para se vestir no reino saudita, mulheres devem usar um véu cobrindo suas cabeças, conhecidos como hijab, e mantos negros quando saem às ruas.

A atitude de Michelle dividiu opiniões. Muitos internautas criticaram o gesto, considerando um desrespeito, enquanto outros defenderam a atitude alegando que ela não era obrigada a usar o véu tradicional. “Mensagem aberta e direta de uma mulher para autoridades sauditas valem muito mais do que as palavras do marido”, disse uma. “Na verdade, eu não aprecio o seu desrespeito, independente de sentimentos e crenças pessoais”, afirmou outra.

A primeira-dama americana vestiu uma jaqueta de mangas compridas com uma camisa por baixo, cobrindo seus braços por completo. Assim como ela, outras mulheres na delegação americana também não usaram véus.

Por Época

Compartilhe:

Faça um comentário