Se as vendas de veículos caíram a falta de educação no trânsito parece crescente. E aí, só mexendo no bolso mesmo. A partir de novembro, os motoristas que não se importam em cometer infrações vão ter que rever o comportamento ao volante. As multas vão ficar, em média, 56% mais caras.

Reportagem de Monizy Amorim e Cláudio Fiúza

[Veja também: Com País em crise, senadores aprovam aumento de R$ 5,5 mil para ministros do STF]

Fonte: Canção Nova

Faça um comentário