Nossa Senhora do Pilar | Imagem: Reprodução

O título mais antigo de Nossa Senhora pertencente a Nossa senhora do Pilar.

Dentre tantas famosas aparições de Maria, como em Aparecida e Fátima, há algumas que não são tão conhecidas assim.

É o caso de Nossa Senhora do Pilar, que apareceu por volta de 40 d.c para São Tiago, em Zaragoza, na Espanha.

Tiago andava pelo território da Espanha, convertendo pessoas para Jesus, enquanto o cristianismo era perseguido. Uma noite, ao parar para descansar com seus apóstolos, ele escutou um coro de anjos cantando “ Ave Maria, cheia de Graça”

Leia mais:
Conheça o poderoso terço de Nossa Senhora do Apocalipse

Ao se ajoelhar, ele viu a Virgem Maria sentada num pilar rodeada de anjos. Carinhosamente ela lhe disse:

“Eis aqui, meu filho, o lugar assinalado e destinado à minha honra, no qual, por teu cuidado e em minha memória, quero que seja edificada uma igreja”

A santíssima Virgem também lhe pediu para que aquele pilar fosse conservado e que ele estaria ali até o fim do mundo.

Ao fim, os Anjos levaram de volta Nossa Senhora para sua casa em Jerusalém.

Depois de sua aparição, Maria ainda viveu na Terra por mais 11 anos.

Ali, naquele local,São Tiago logo construiu uma capelinha, com o auxílio dos discípulos.

Leia mais:
Santo do dia: conheça a história de São Félix de Nola, mártir

Hoje,o lugar sagrado é uma basílica, localizada em Zaragoza (Espanha).

Nossa senhora do Pilar é conhecida como consoladora dos aflitos, refúgio dos pecadores e Mãe da Espanha.

O pilar de sua aparição esta intacto até hoje, mesmo após 20 séculos.

O título de Nossa Senhora do Pilar é comemorado no dia 12 de outubro.

Fonte:Cruz Terra Santa

Compartilhe:

Faça um comentário