Ouça a canção de Leo Mantovani “O Corpo na Cruz Elevado”

Léo Mantovani, Cleiton Saraiva e Higor Fernandes cantam “O Corpo na Cruz Elevado”

O jovem Léo Mantovani deu início a sua carreira artística aos 8 anos de idade em Linhares, no Espírito Santo, quando começou a cantar na Igreja de sua comunidade. Mais tarde, se engajou na Pastoral da Juventude, onde deu sequência ao serviço de evangelização por meio da música.

Léo se mudou para a Bahia e lá teve suas primeiras experiências de estúdio. Gravou 4 CDs com o Coral EmCanto, fazendo solos e contrapontos. Em 2008 lançou seu primeiro CD solo, NO TEU ALTAR – Canções para Celebração Eucarística, com participações de grandes nomes da música católica como Ziza Fernandes, Italo Villar, Davidson Silva, Cristiano Pinheiro e Maninho.

Atualmente tem viajado em missões pelo Brasil e no exterior cantando e pregando. Além disso, o jovem dá sequência ao seu projeto “Piano & Vozes – Léo Mantovani e convidados” e acaba de lançar uma regravação da canção intitulada O Corpo na Cruz Elevado. A canção composta para ser entoada no momento de comunhão, conta com a participação de Cleiton Saraiva e Higor Fernandes, ambos cantores católicos.

Aline Brasil, intérprete da música católica, destinou um texto especial para falar sobre a nova música de Léo Mantovani. Confira:

“A Santa Missa é o memorial perpétuo da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e é o centro da nossa fé católica. A música exerce importante papel, sendo considerada a ‘alma’ da liturgia Eucarística e por isso é necessário ter grande cuidado e zelo no repertório bíblico-litúrgico. Léo Mantovani tem tido essa dedicação em produzir e entregar ao público com frequência novos trabalhos, a fim de enriquecer o repertório de músicas litúrgicas com suas belas canções. Léo acaba de regravar uma linda composição sua, já conhecida no tocante dueto com Juninho Cassimiro. Desta vez, ele reúne os amigos Cleiton Saraiva e Higor Fernandes, ao som de um belo piano para juntos interpretarem O Corpo na Cruz Elevado, que traz em sua letra, trechos dos Evangelhos dominicais do Tempo da Quaresma. Querido irmão Léo Mantovani, quero bendizer a Deus por sua vida e seu dom a serviço da Igreja, na certeza de que, aqui na Terra, na Santa Missa, já podemos vislumbrar um pouco do que será o perfeito louvor no Céu. Que Deus continue te abençoando e fortalecendo na sua missão. Sua irmã em Cristo, Aline Brasil”.

Letra:

Ele foi tentado no deserto
Resistiu pleno do espírito santo
E no tabor sua glória refulgiu
Ele foi confirmado como o filho amado do pai!

O corpo na cruz elevado e o sangue no calvário derramado
Aqui estão, no altar da nova aliança
O verbo encarnado, o cordeiro por nós imolado
Na comunhão, renova a nossa esperança

Mesmo sendo Deus se esvaziou
Se entregou à morte, morte de cruz
Para nos dar acesso à vida eterna
E selar com seu sangue nossa salvação!

O corpo na cruz elevado e o sangue no calvário derramado
Aqui estão, no altar da nova aliança
O verbo encarnado, o cordeiro por nós imolado
Na comunhão, renova a nossa esperança

Somos sua igreja convidada para a ceia, recordamos sua paixão
E comungamos o cristo ressuscitado que passou pela morte mas vivo está!

O corpo na cruz elevado e o sangue no calvário derramado
Aqui estão, no altar da nova aliança
O verbo encarnado, o cordeiro por nós imolado
Na comunhão, renova a nossa esperança

Isto é o meu corpo que é entregue por vós
Este cálice é a nova aliança em meu sangue!
Todas as vezes que comeis deste pão e bebeis deste cálice
Lembrais a morte do senhor, até que venha!

Ouça:

Por Redação Catholicus
Compartilhe:

Faça um comentário