Em entrevista, Padre Cleidimar fala sobre o novo CD com show de lançamento marcado para o dia 4 de Julho no o Acampamento “Encontramos o Cristo”

Padre Cleidimar é de Pirenópolis (GO) e pertence a uma família de seis filhos. Foi ordenado sacerdote em 2005 e recebeu de Deus o dom especial de também evangelizar por intermédio da música. Canta desde os seis anos de idade e ao conhecer a Renovação Carismática Católica (RCC), em 1987, foi atraído pelas músicas por lhe possibilitarem um encontro com Deus.

 

 

Em 2003, gravou o primeiro CD solo com o título “Neste Nome Há Poder”. Em 2007, lançou o CD “Deus me abraça”. E, em 2012, gravou o CD “Ave Marias – Rezando com padre Cleidimar”.

O portal cancaonova.com conversou com o padre sobre o chamado ao sacerdócio, como tem exercido sua missão atualmente e a respeito de seu mais novo trabalho, o CD “Cura-­me para amar”, produzido pela Gravadora Canção Nova, cujo show de lançamento será no dia 4 de julho durante o Acampamento “Encontramos o Cristo”.

Veja aqui a entrevista na íntegra:

Por onde o senhor anda?

Padre Cleidimar: Estou na Paróquia Sagrada Família em Goiânia e saindo pelo Brasil inteiro e fora do Brasil também para evangelizar por intermédio da música em encontros, retiros e pregações.

Quando e como se iniciou o seu chamado ao sacerdócio?

Padre Cleidimar: Desde pequeno eu brincava de celebrar a Santa Missa e de festa dos santos junto com meus primos, especialmente quando íamos para o interior. Quando entrei para a Canção Nova, a fim de definir a minha missão e vocação junto ao povo de Deus, nós discernimos, juntamente com padre Jonas, formadores e psicólogos, que eu tinha vocação ao sacerdócio. E depois deste acompanhamento, eu pude perceber e voltar à minha história e ver que realmente a minha vocação era o sacerdócio.

Como é a sua rotina atualmente como sacerdote e músico?

Padre Cleidimar: Aqui, na Paróquia Sagrada Família, todos os dias praticamente, às 6 horas, eu celebro a Santa Missa, logo em seguida, no máximo às 8 horas, já estou atendendo aos fiéis e como administrador paroquial tenho de ver todas as coisas da administração. Como aqui é uma paróquia muito grande, quem quiser ver um pouquinho pela internet pode acessar: sagrada.org.br. Na igreja maior cabem 3.300 pessoas, e há também a Medalha Milagrosa, na qual cabem 1.200 pessoas, então temos um complexo muito grande. Temos também as obras como o posto médico, a equipe de catequese e a chácara de eventos. Tudo isso precisa ser administrado, são 71 funcionários comigo.

O Senhor faz shows?

Padre Cleidimar: Sim, junto a tudo isso, nunca parei de receber pedidos de shows. Mas, hoje, posso sair da paróquia apenas duas vezes por mês.

Há algum projeto para um novo CD?

Padre Cleidimar: Estamos trabalhando no novo CD [“Cura-­me para amar”] desde dezembro, graças a Deus está em fase final e será lançado pela Gravadora Canção Nova. Como sou muito família, esse trabalho é voltado para a família. É um CD moderno e está diferente dos outros três álbuns que já gravei; está mais impactante, eu creio. As músicas foram bem escolhidas, o repertório foi bem selecionado e você vai poder louvar e cantar com ele. Todas as músicas podem ser cantadas na Santa Missa e também em grupos de oração.

Qual foi a experiência vivida durante a gravação das músicas?

Padre Cleidimar: Várias coisas aconteceram, durante a gravação desse CD, na paróquia e em minha vida pessoal e familiar para tentar me desestruturar e tirar o foco da missão que Deus me confiou. Mas, eu não me abalo, sei que o Senhor está providenciando todas as coisas e que Ele está presente na minha vida. E com fé em Deus, no dia 4 de julho vamos lançar esse CD e fazer uma grande festa na Canção Nova.

 

 

Via Canção Nova

 

Faça um comentário