Padre Zezinho, scj fala sobre a postura do sacerdote ao celebrar a Missa

Em entrevista concedida na ExpoCatólica, Padre Zezinho conversa com Diego Fernandes a respeito da postura do sacerdote

Padre Zezinho, scj, sacerdote conhecido e respeitado no cenário da música e em estudos teológicos, conversa com Diego Fernandes sobre algumas atitudes e posturas do sacerdote que fazem a celebração eucarística virar um “espetáculo”.

O espaço da missa não é show. “Uma coisa é mostrar o povo, e outra coisa é mostrar a si mesmo. A missa não é lugar para o padre se mostrar, a missa é para mostrar o povo em oração”. Afirma. A ideia é de que o padre não seja o personagem principal. Em primeiro lugar deve vir o Cristo, em segundo, o povo e em terceiro lugar o padre.

Padre Zezinho defende que as festas na paróquia devem ser repensadas e incluir mais as músicas religiosas em sua programação. A partir do momento que o padre troca as músicas religiosas e catequéticas pelas músicas profanas, perde-se a identidade.

Veja também:
Fiéis celebram a canonização de Santa Dulce dos Pobres em Salvador

Confira as #DicasDoDF:

Por Redação Catholicus

Faça um comentário