Papa: “A paz é mulher, nasce e renasce da ternura das mães”
Foto: Vatican Media

Francisco fez referência às mulheres durante encontro com a Delegação do Comitê Judaico Americano no Vaticano

Por ocasião do Dia Internacional da Mulher, que se celebra neste dia 8 de março, o Papa Francisco, durante o encontro com a Delegação do Comitê Judaico Americano, nesta sexta-feira, no Vaticano, falou sobre a contribuição insubstituível da mulher para a construção de um mundo que seja a casa de todos.

“A mulher torna o mundo mais bonito, o protege e o mantém vivo; a sua graça torna as coisas novas; seu abraço abrange a coragem de se doar”, revelou o Pontífice. Francisco prosseguiu: “A paz é mulher, nasce e renasce da ternura das mães. O sonho da paz se realiza com o olhar à mulher. A mulher tem origem no coração e nos sonhos. Ela leva ao mundo o sonho do amor”.

Veja também:
No dia da mulher, relembre 9 mulheres que foram exemplares para a Igreja e o mundo

O Santo Padre concluiu: “Se quisermos um futuro melhor, se sonharmos com um futuro de paz, precisamos dar espaço às mulheres”.

Fonte: Canção Nova

Faça um comentário