Para muitos, blog é apenas um passa tempo de adolescente, mas isso não é verdade. O blog hoje é um dos meios mais importante e eficaz para fazer uma comunicação de longo alcance e de modo econômico.

Qual o objetivo do blog?

O Principal objetivo de um blog é comunicar uma notícia, um assunto, um fato, enfim comunicar seja imagem, texto, vídeo e gráfico. Quem define o conteúdo a ser postado em um blog é o próprio autor.

Dentro de um blog existem duas realidades

  1. Leitor: pessoa que busca assuntos de seu interesse.
  2. Autor: formador de opinião.

Quem pode ter um blog?

Toda e qualquer pessoa que tenha domínio sobre um determinado assunto pode ser autor de um blog, com isso esta pessoa passa a ser um formador de opinião e um colaborador da sociedade, pois está distribuindo o seu conhecimento de forma gratuita. Dentro de uma comunidade, esta ferramenta torna-se peça fundamental como meio de comunicação entre as várias pastorais.

Conheça o CONASPAR – Congresso Nacional de Secretários Paroquiais
Assine a Revista Paróquias e receba em casa material sobre Gestão Eclesial e Secretaria Paroquial

Perfil do blog/autor

Como um blog é uma página pessoal, é muito importante que apresente características de seu autor ou no caso da comunidade, de suas pastorais.

Vamos levar esta realidade para a sua paróquia

Em sua realidade pastoral, o blog pode e deve ser utilizado por todas as pastorais, porém é necessário ter um blog para representar cada movimento de sua comunidade, pois esta é a riqueza da cultura de um blog, onde o leitor tem a oportunidade de conhecer particularidades e exclusividades específicas da pastoral para qual o blog foi criado. Se sua paróquia tem 20 pastorais, cada uma delas será devidamente representada por um blog, possibilitando uma ampla divulgação de tudo que acontece nesta pastoral em específico.

Processo de criação de um blog

Para criar um blog temos duas realidades diferentes:

OPÇÃO 1

Serviços de hospedagem gratuitos na Internet

Posso usar serviços disponíveis na Internet e criar meu blog gratuitamente. Lembrando que o conteúdo desse blog será encontrado por muitas pessoas na Internet, permitindo que pessoas que não são de sua comunidade também tenham acesso e conhecimento dessas informações, de modo a levar o trabalho de sua pastoral muito mais longe do que imagina.

Quais serviços posso usar?

Dois serviços bem utilizados a nível mundial e também no Brasil são

1.Wordpress – http://www.wordpress.com

  1. Blogspot – http://www.blogger.com

Basta acessar o site fazer um cadastro e em instantes seu blog estará criado, sendo possível personalizar o blog, deixando da forma que melhor lhe agradar.

Obs: tendo conhecimento técnico é possível fazer ajustes mais avançados.

OPÇÃO 2

Seu próprio portal de blogs

É possível também criar o seu próprio portal de blogs, onde quem define quantos blogs serão criados e quem terá um blog é você. Hoje, no meio religioso uma grande referência nessa realidade é a Comunidade de Vida e Aliança Canção Nova, contando com mais de 200 blogs, como por exemplo: programas de tv, músicos, padres, informativos sociais, informativos tecnológicos e muitos outros.

Como posso ter um portal em minha comunidade?

Para criar um portal de blog em sua comunidade basta seguir 4 passos

  1. Contratar um servidor para hospedagem.
  2. Criar um domínio (seu endereço na Internet).
  3. Baixar o WordPress MU (Multi-usuário) para este servidor.
  4. Contratar um profissional de informática com conhecimentos de configuração de servidor e instalação/configuração de WordPress.

Quais as diferenças entre as duas opções?

Na OPÇÃO 1, seu blog está em um servidor público, porém nem sempre é possível realizar todas as mudanças desejadas, justamente por ser um serviço gratuito, mas o básico do blog que é comunicar, esses serviços fazem com qualidade.

Na OPÇÃO 2, você terá o servidor e poderá criar quantos blogs desejar, além de ter todos os blogs de sua comunidade reunidos em um único endereço na Internet, o que facilita e muito na hora de divulgar, diferente da OPÇÃO 1, onde cada blog necessita a apresentação de seu endereço específico para ser localizado.

Conclusão

Se sua comunidade não tem muitas pastorais, fique com a OPÇÃO 1, onde você não precisará gastar absolutamente nada para a criação e manutenção desses blogs, agora se sua comunidade dispõe de muitas pastorais, pense com carinho e procure criar um portal de blogs.

Nas duas realidades o mais importante é que sua comunidade ganhará muito para divulgar os  trabalhos pastorais tanto para comunidade local, como para toda rede Internet.

Na opção 2 os gastos existentes são valores pequenos. Veja um pequeno exemplo:

  1. Criação de domínio: em média R$ 35,00 por ano.
  2. Servidor de hospedagem: em média R$ 40,00 por mês
  3. Profissional para configurar e implantar serviços: fazer pesquisa

Fique atento

O profissional será necessário somente para implantação do serviço e no caso de algum suporte técnico, não havendo necessidade de pagamento mensal, com isso concluo que é válido pensar na opção de um portal de blogs.

Paulo Moraes é Analista de Novas Tecnologias Web 2.0, Professor de Informática, Palestrante, Consultor em aplicações Web, Personal Training Computer, Podcaster e Blogueiro.

Contato: [email protected].

Fonte: Revista Paróquias, ed. 17. Para ler mais matérias sobre secretaria paroquial, assine já: (12) 3311-0665 ou [email protected]

Faça um comentário