O uso e abuso destas 6 frases pode acabar com qualquer relacionamento. Confira se o seu marido está usando alguma delas.

Relacionamentos podem ser extremamente difíceis, e o pior, é que quando nos damos conta de que há algo errado, às vezes, é tarde demais. A convivência e o fato de que você e seu cônjuge são os únicos protagonistas de seu relacionamento, faz com que vocês não possam ver as coisas de fora, e enquanto seu mundo começa a se desmoronar, você não consegue vê-lo até que já não seja mais possível voltar ao ponto onde eram felizes.

As mudanças não acontecem de um dia para o outro.

As mudanças são o resultado de uma série de decisões, ações e formas de tratar a outra pessoa. Essas mudanças levam tempo, e detectá-las o antes possível, pode salvar seu casamento.

O uso das seguintes frases é um sinal de que o seu parceiro está com problemas (mesmo que você não tenha percebido). Nenhum desses comportamentos significa que seu casamento não está mais funcionando. Enquanto houver amor entre os dois e vontade de consertar as coisas, há esperança.

1. “Você é exagerada”

Essa frase inofensiva, em outro tipo de contexto, pode ser o sinal de que ele perdeu a empatia que sentia por você. Se quando você expressa que está cansada, ou que seu dia foi muito longo, ou que você está sobrecarregada, a reação dele é dizer que você está “exagerando”, está na hora de se sentarem para conversar sobre isso. Valorizar o que cada um faz pelo outro ou pela família são elementos indispensáveis para conviver em harmonia.

2. “Já não me interessa”

De acordo com Christian Denmon, um advogado especializado em divórcio, quando seu marido diz que algo sobre você “já não o interessa”, é um dos primeiros sinais de que seu relacionamento está caminhando em direção ao divórcio. Você deve ser a pessoa mais importante na vida de seu marido e vice-versa. Se algo em você já não o interessa, mesmo que a frase seja usada em uma discussão que vocês estejam tendo, você deve prestar atenção.

3. “Se você tivesse feito o que eu disse, agora não precisaria estar gritando”

Seu marido nunca deve levantar a voz para você, muito menos por que você não “fez algo que ele disse para você fazer”.

Gritar com alguém é um sinônimo de ter perdido o respeito, e é uma linha que você e seu marido nunca devem cruzar. O respeito mútuo é um ingrediente chave em qualquer tipo de relacionamento. Os gritos, a menos que seja porque de outra forma a pessoa não conseguiria fisicamente ouvir o que você está dizendo, nunca podem ser justificados.

4. “Não quero falar sobre nada”

A comunicação e o tipo de afeição física entre duas pessoas que estão cansadas são os dois fatores que nos diferenciam das demais espécies.

Somos seres racionais que pensamos e na sequência agimos. Usamos a comunicação para expressar o que queremos. Quando seu marido se fecha ao diálogo e prefere não falar sobre o que o aflige, ele não dá lugar para que o relacionamento cresça, nem para que o problema seja solucionado. É importante encontrar o momento certo e, com mansidão e paciência, criar um ambiente propício para o diálogo.

5. “Não preciso dizer-lhe onde eu estava”

Você não deve ser o carcereiro de seu marido, nem ele o seu, mas este tipo de expressão implica a existência de segredos, ou a falta de respeito com o outro. Embora nos casemos, todos continuamos a existir como um indivíduo e, portanto, precisamos respirar livremente, mas dizer a sua esposa onde você estava não é perder a liberdade. Neste tipo de situação é importante que você converse com seu marido e repassem novamente porque é importante que ambos possam continuar confiando um no outro.

6. “Queria nunca ter te conhecido”

Essa é provavelmente a pior frase que alguém pode ouvir. Ser a “culpada” de tudo o que tem acontecido de errado com alguém desde o dia em que se conheceram é uma carga que ninguém gosta de carregar. Embora essa frase possa ser usada com frequência na hora de uma discussão na qual alguém possa sentir-se ofuscado, não é bom que seu marido nem ninguém a use sem medir sua consequência. A maioria das pessoas que usa esta frase não o faz porque realmente acha que você é a culpada por tudo de ruim que aconteceu desde que se conheceram; elas a usam para machucar e por isso é preciso conversar e pôr um basta nisso.

O mais importante em um relacionamento conjugal é estabelecer a regra de que, aconteça o que acontecer, o respeito sempre fará parte de seu relacionamento.

O respeito por seu parceiro e o respeito a si mesmo.

Veja também: Catequese do Papa Francisco sobre a oração

Fonte: Familia.com

Faça um comentário