Semana Santa ou feriadão?
Foto: Pixabay | Domínio Público

Após o Domingo de Ramos, somos introduzidos de fato na Semana Santa e passamos a todos os dias viver um pouco do caminho de Cruz, vemos de “fora” a trama do povo que entregará Jesus na Sexta -Feira da Paixão.

Muitos aguardam ansiosamente pela Semana Santa, tendo em vista ser alguns dias de “folga”, até porque quem não iria amar cinco dias de folga, festa, farra, descanso, sombra e água fresca, não é? Mas eu te questiono, será que nós como cristãos podemos viver a Semana Santa como um simples feriadão de festas e descanso? A resposta é simples e clara: não!

A Semana Santa não é um feriado para quem é católico, em palavras mais claras, para crentes na Ressurreição. E sim, um momento de viver as dores de Cristo, de passar pela agonia da crucificação, de se entristecer ao ver o Salvador morrendo para nos dar a vida, o perdão de nossos pecados, contemplando assim a Sua Magnífica Ressurreição e com Ele Ressuscitar! É o momento de viver a Cruz, e não apenas observá-la. Aquela Cruz que para os pagãos é loucura, mas para nós é o símbolo mais perfeito do AMOR.

O Domingo de Ramos é o primeiro dia da Semana Santa, que marca o início do caminho para o Calvário. Nele se celebra a aclamada entrada de Jesus em Jerusalém, poucos dias antes de sofrer as dores da morte, para depois vencê-la com a Sua Divina Ressurreição. Após o Domingo de Ramos, somos introduzidos de fato na Semana Santa e passamos a todos os dias viver um pouco do caminho de Cruz, vemos de “fora” a trama do povo que entregará Jesus na Sexta -Feira da Paixão.

Veja também:
Novo site oferece imagens em detalhes do Santo Sudário
Por que a Semana Santa muda de data todos os anos?

Logo, podemos nós viver todo este sofrimento com festas? Podemos nós saber que enquanto Jesus morre, queimamos Judas e comemoramos a sua morte? Talvez comemorar não seja a sua intenção, mas responda a si mesmo, se um ente muito querido seu morresse e morresse no seu lugar, você iria fazer uma festa regada de bebidas e muita “curtição” bem na época de sua morte? Reflita!

No decorrer desta Semana no Sábado Santo, ocorre a Vigília Pascal. É o momento em que o Senhor ressuscita, e mostra o seu poder sobre a morte. O Senhor, que morre na Cruz por todos nós, ressuscita, triunfa sobre o pecado e com Ele, nós também ressuscitamos. A Páscoa não é mais nada além do significado mais puro do Cristianismo: Jesus vence a morte e com isto nos dá vida! Vida eterna, vida cheia de luz e da alegria que nunca passará.

Você pode achar isso um exagero e que não há nenhum mal em curtir sua Semana Santa e aproveitar o sossego de um feriadão. Mas convenhamos, se você professa a fé católica, a Semana Santa é a semana mais importante de todas as semanas para você, pois é aquela que dá o sentido ao ser católico, ao crer em Cristo, que Ressuscitado vence a morte e o pecado!

Fonte: Comunidade Shalom

Faça um comentário